segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

A vida e a morte de um jeito diferente.

Ocorreu algo muito estranho na sessão em que eu assisti, hoje, o "O curioso caso de Benjamin Button". Assim que o filme acabou, ficou aquele silêncio enorme na sala. Todos se levantavam devagar, como se houvesse algum receio de, se fizessem movimentos bruscos, aquela magia ou aquela grande sensação indescritível que o filme nos causou, pudesse sair sem que quiséssemos.

Este filme fala sobre a vida. De um ângulo diferente, sob a ótica deste homem que nasceu velho e foi rejuvenescendo com o tempo. No entanto, apesar de diferente, a vida é a mesma, com os mesmos problemas, as mesmas dificuldades e as mesmas dúvidas. E assim, vamos entendo um pouco sobre como seria ficar mais jovem, entendo a ótica deste homem incomum, mas que, depois de uma ótima criação, não se tornou uma 'aberração', mas, sim, um homem que encantava a todos - Aliás, o que chamou a minha atenção (acho que só eu pensei nesse lado) foi como a criação que ele recebeu o deixou um homem comum e de excelente caráter, e não um que realmente se comportasse como a aberração que alguns achavam que ele era.

Brad Pitt está ótimo nesse filme e os efeitos em seu rosto são um show a parte. Vê-lo velhinho, todo enrugado, de cabelos brancos é, no mínimo, curioso! Além disso, a sensação de vê-lo cada vez mais jovem e a Cate Blanchett mais velha é um dos impecílios para casais mais interessantes que já vi.

No entanto, tenho uma única crítica: algumas vezes, essa história de problemas de casal ficava um tanto quando piegas. 'Ah, eu não posso ficar com você' 'mas eu te amo e superaremos isso' 'mas você não vai aguentar' e outros tipo de diálogo que não pareciam ser a proposta do filme.

'Um soco na mente'
Essa é a frase que vem escrita na contracapa do meu DVD de "Clube da Luta",estrelado pelo mesmo Mr. Pitt, mas que, em parte, serve para descrever um pouco do que eu senti assistindo esse filme.
"O curioso caso de Benjamin Button" é um soco no nosso jeito de ver a vida.





2 comentários:

  1. Celly, minha querida!
    AMEI o blog!
    O layout, as cores, o estilo, os filmes, as críticas...tá tudo a sua cara!
    Me senti lendo a sua coluna no jornal, sério!

    Quero muito ver esse filme, o post só aumentou a minha vontade.

    Ahhh, saudaaaaades!
    Te liguei, mas só dava ocupado. =/

    Será que amanhã eu consigo falar contigo?
    Tomara. ;)

    Beijão, lindona!
    Fique com Deus.

    =*

    ResponderExcluir
  2. nossa celly,que maneiro essa observação!!
    "um soco na mente",mt bem lembrado dessa
    frase!!Parabens!! eu torço mt para o Brad Pitt que com esse filme,ele consiga ganhar mts premios.
    bjinhos

    ResponderExcluir